quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

SEREIA

Estou a deriva.
Velejando em altas ondas.
Te sonho aqui juntinho.
Pertinho.
Te pescando.
Em minha rede encantada.
Na íntima voragem.
Do que hoje sou.
SEDUÇÃO!!!




Inacelita

0 comentários:

Postar um comentário

Outras poesias