sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

REVIVER

Emendo os pedaços.
Dos sobrando dos feitos.
Começando um novo.
Recente, nascente...
Refulgir no presente.
Um alegrar amplo.
Que revolve o refletir,
De um moderno realçar.
Modificando...
Reinventando...
Destinando.
Uma nova sensação,
Desse tumultuoso viver.

Inacelita

0 comentários:

Postar um comentário

Outras poesias