domingo, 16 de outubro de 2011

ASSUMIR...


Eu quero tanto.
Chegar perto e ficar.
Te encarar.
Falar a nossa verdade escondida.
E assumir.
Nem em pensamentos,
Dos voos dos sonhos.
Das minhas alucinações.
Nossos olhos se encontraram.
Para dizer, SIM!!!

Inacelita

0 comentários:

Postar um comentário

Outras poesias