sexta-feira, 1 de julho de 2011

PEQUENINO


Beleza pequenina.
Te trago,
Ainda no colo.
És aquele que sugava,
Em 
meio seio.

Para saciar tua fome.
Meu Grande HOMEM.
És pra sempre,
Meu menino pequenino!!!


Inacelita




0 comentários:

Postar um comentário

Outras poesias