sexta-feira, 16 de março de 2012

SOU UM PONTO DE INTERROGAÇÃO


Fazer o que?
Para  quem?
Onde estou?
Sou livre?
Posso?









Sou imagem perfeita?
Imperfeição?
Traumatizei?
Ou fui traumatizada?
Incógnita, fui ou sou?
Vim pra ti?
Sou de mim?
...
???

Inacelita






0 comentários:

Postar um comentário

Outras poesias