segunda-feira, 19 de março de 2012

REFLECTIR




Caravelas, velas brancas...
... Amarelas.
Amareladas pelo tempo.
Tempo, ventania.









Tempo, sol queimando.... 

Chão rachando.
Maré mansa de ressaca.
Peixe fresco na rede.
Pão na mesa e na mão.
Fome saciada.

Mão na massa da construção.
Construir castelos.
Desmoronados por temporais.
Vidas ao caus.
Seja benvinda a nós, solução!!!
É hora de repensar...Ação!!!


Inacelita

0 comentários:

Postar um comentário

Outras poesias