quinta-feira, 11 de novembro de 2010

SEI




































Corre, lágrima minha.
Para desaguar meu pranto,
em outros recantos.
Flores virão ao meu encontro.
Nessa maré, dos respingos
dos meus olhos.
Sei que virão!

Inacelita

0 comentários:

Postar um comentário

Outras poesias